Supervisor de Rigging

O Curso de Supervisor de Rigging tem por objetivo capacitar o profissional a analisar um plano de rigging nas mais diferentes operações.

SUPERVISOR DE RIGGING

Baseado em 1 avaliações
  • 32 Horas de duração
  • 71 Aulas
  • 8 Módulos
  • 3 meses de suporte
  • Certificado de conclusão
Parcele em 12x R$ 142,57 (ou R$ 1.420,00 à vista)
Comprar Agora Dê um passo adiante em sua carreira!
"MAGNIFICO!!!!!!!!!!!!!!!!!!! "
sandro gomes melo
mais avaliações

No curso de Supervisor de Rigging da Escola da Movimentação, apresentaremos as responsabilidades do supervisor em uma operação de movimentação de carga, o que diz a legislação vigente e também vamos apresentar os princípios de segurança em movimentação de carga, patolamento, ventos em operações com guindastes, materiais de içamento, tipos de guindastes, boas praticas em movimentação de carga com guindastes, além da correta interpretação do plano de rigging ,como colocar em pratica as informações que constam em um plano de rigging, como fiscalizar  uma operação e ter a certeza que vai transcorrer conforme planejado, entre outros tópicos que são de extrema importância para quem atua nas áreas operacionais ou especificas da movimentação de carga e mesmo para aqueles que já tem experiência, porem querem se reciclar.

3 meses Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até 3 meses após a matrícula.

O curso é destinado aos profissionais de todos os níveis operacionais que estão envolvidos indireta ou diretamente as movimentações de cargas do dia a dia de sua empresa e que podem estar à frente de possíveis operações em seu dia a dia.

GUSTAVO N. CASSIOLATO
"Engenheiro Rigger com atuação no segmento de movimentação de cargas. Realiza trabalhos de grande envergadura em setores estratégicos da economia nacional."


Atuação desde 2006 na área de movimentação de carga / Rigging com o desenvolvimento de materiais adequados a cada aplicação como cabos de aço, laços de cabos de aço, cintas de poliéster, correntes de aço e demais materiais.

Gerenciamento de equipe técnica / comercial com foco no desenvolvimento de soluções e parcerias com clientes estratégicos.

Desenvolvimento de procedimentos específicos para grandes empresas do segmento como mineração, siderurgia, portos, transporte pesado, off-shore e indústrias em geral.

Elaboração de treinamentos personalizados para diversos tipos de usuários de cada organização: operadores de equipamentos (pontes rolantes, guinchos, guindastes), supervisores de campo (supervisor de rigging), rigger, dentre outros.

Confira algumas dúvidas mais comuns sobre a emissão e validade do certificado: 

- Meu certificado emitido através deste site tem validação do MEC? 

Os cursos autorizados pelo MEC são de Graduação e Pós-Graduação e as Secretárias Estaduais de Edução autorizam cursos técnicos profissionalizantes e do ensino médio. Cursos online são classificados, por lei, como cursos livres de atualização ou qualificação, ou seja, não se qualifica como graduação, pós-graduação ou técnico profissionalizante. 

Os Cursos Livres, passaram a integrar a Educação Profissional, como Nível Básico após a Lei nº 9.394 - Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Essa é uma modalidade de educação não-formal com duração variável, a fim de proporcionar conhecimentos que permitam atualizar-se para o trabalho, sem exigências de escolaridade anterior. 

Educação é um direito de todos e é um incentivo a sociedade, previsto por lei na Constituição Federal. É com essa base que trabalhamos, incentivando a educação. Os cursos livres e os certificados tem validade para fins curriculares e certificações de atualização ou aperfeiçoamento, não sendo válido como técnico, graduação ou pós-graduação. 

- Meu certificado é aceito pelo CREA, CRC e CRM? 

Conforme citado acima, nossos cursos são de nível básico e livre, ou seja, servem para atualização e qualificação. Todos esses órgãos são de nível superior.

(Fontes: Secretaria de Educação de São Paulo e ABED)

Conteúdo Programático

Conheça um pouco mais sobre a Rigging Brail e a Escola da Movimentação
  • 1. APRESENTAÇÃO
Introdução a questões técnicas do plano de rigging
  • 1. LEGISLAÇÃO
  • 2. TERMOS TÉCNICOS
  • 3. PLANO DE RIGGING
  • 4. PLANO DE CARGA
  • 5. PROCEDIMENTOS E INSTRUÇÕES DE TRABALHO
As principais analises pré trabalho a serem observadas na confecção de um plano de rigging.
  • 1. TIPOS DE CARGA
  • 2. FORMAS DE DETERMINAR O PESO DE UMA CARGA
  • 3. CENTRO DE GRAVIDADE
  • 4. PONTO DE ANCORAGEM
  • 5. CANTOS VIVOS
  • 6. COMPOSIÇÃO DA CARGA
Conheça os principais equipamentos e acessórios utilizados nas movimentações.
  • 1. TIPOS DE GUINDASTES
  • 2. PONTE ROLANTE
  • 3. PÓRTICOS
  • 4. GRUAS
  • 5. EMPILHADEIRAS
  • 6. COMPONENTES DE UM GUINDASTE
  • 7. LMI
  • 8. TIPOS DE MOITÃO
  • 9. TIPOS DE ACESSÓRIOS
Aprenda passo a passo como montar um plano de rigging
  • 1. COMUNICAÇÃO POR SINAIS
  • 2. PLANO DE RIGGING
  • 3. VISITA TÉCNICA
  • 4. COMPRIMENTO DA LANÇA
  • 5. ABERTURA DE LANÇA
  • 6. RAIO OPERACIONAL
  • 7. RAIO DE TRABALHO
  • 8. CONTRAPESO
  • 9. CONTRAPESOS
  • 10. RAIO DE GIRO DO CONTRAPESO
  • 11. PERNAS DE CABO DE AÇO
  • 12. PASSADAS DE CABO NO MOITÃO
  • 13. PATOLAMENTO
  • 14. PATOLAMENTO
  • 15. CARGA MÁXIMA NA PATOLA
  • 16. CHAPAS DE AÇO
  • 17. MATTS
  • 18. INFLUÊNCIA DO VENTO NAS OPERAÇÕES COM GUINDASTES
  • 19. EFEITO DOS ÂNGULOS NA CAPACIDADE DAS ESLINGAS
  • 20. FATOR DE SEGURANÇA DA OPERAÇÃO
  • 21. TAXA DE OCUPAÇÃO DO GUINDASTE
  • 22. PESO DO CABO DO GUINDASTE
  • 23. COMPOSIÇÃO DE CARGA BRUTA E CAPACIDADE REQUERIDA
  • 24. QUADRANTES OPERACIONAIS
  • 25. TABELA DE CARGA
  • 26. CÁLCULO DE CARGA PARA DOIS GUINDASTES
  • 27. EIXO OU PONTO DE TOMBAMENTO
  • 28. DEFINIÇÃO DO EQUIPAMENTO
  • 29. FLUXOGRAMA OPERACIONAL
Uma analise sobre as principais questões técnicas ligadas a movimentação de cargas.
  • 1. ESTATÍSTICA DE ACIDENTES
  • 2. CONSEQUÊNCIAS DIRETAS E INDIRETAS
  • 3. ANÁLISE DE PERIGOS
  • 4. GESTÃO DE RISCOS
  • 5. DISTÂNCIA SEGURA DA CARGA
  • 6. BOAS PRÁTICAS EM MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS COM GUINDASTE
  • 7. DESCARREGAMENTO DE TESOURA
  • 8. CABO GUIA PARA IÇAMENTO DE CARGAS
  • 9. TIPOS DE INSPEÇÃO
  • 10. FREQUÊNCIA E MÉTODOS
  • 11. INSTRUMENTAÇÃO
  • 12. CRITÉRIOS
Material complementar ao curso de supervisor de rigging.
  • 1. ACERVO TÉCNICO
Uma breve explicação de todos os exercícios propostos.
  • 1. QUESTÕES
  • 2. CERTO E ERRADO SINAIS
  • 3. MATERIAIS E ACESSÓRIOS DE IÇAMENTO DE CARGAS
  • 4. PLANO DE RIGGING
  • 5. CONSULTA DE TABELA DE CARGA
  • 6. ESTABILIDADE DA CARGA
  • 7. PATOLAMENTO
  • 8. TAXA DE OCUPAÇÃO
Voltar ao topo